quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

ESTATUTO DA CEADALPE

SECRETARIA GERAL DA CEADALPE


ESTATUTO

A Campanha Evangelizadora, como um órgão de evangelização tem como principal meta a expansão da Palavra de Deus, na sua área de atuação, obedecendo ao Ide do Senhor.
Com o objetivo do melhor desempenho no desenvolvimento do nosso trabalho trazemos aos componentes as principais normas de condutas neste órgão.

O COMPONENTE- ao ingressar na CEADALPE, o irmão, ou irmã, passa a ser um componente da mesma. Para esse ingresso é necessário que o (a) mesmo(a) seja membro ou congregado, em comunhão com Deus, tenha concluído o discipulado (os novos convertidos),esteja fazendo par- -te na mesma congregação da CEADALPE.. Ao ingressar, o mesmo terá direitos e deveres, observados dentro da Palavra de Deus, e na liberdade que temos em Cristo Jesus. Consciente que é um trabalho voluntário, mas que diante de Deus e das Autoridades Eclesiásti- -cas constituídas, têm obrigações a cumprir.

OS DIREITOS
Como componente o(a) irmão ou irmã(o), passa a usufruir dos direitos dentro da
CEADALPE.

A expressão de opinião sobre o andamento dos trabalhos, de programação de festividades,de decisões tomadas pela direção, etc.,poderá ser feito em Reunião ou ao dirigente
desde que o mesmo seja um componente ativo e a expresse de uma forma ordeira e construtiva
e, jamais com o objetivo de denegrir a imagem da direção,ou desfazer de uma ordem dada pela mesma, diante dos outros componentes. A opinião do componente tem como objetivo ter uma
visão mais apurada dos problemas expostos em Reunião, ou visualizados pelo mesmo, na sua participação nos trabalhos, porém cabe à Direção a decisão final a ser tomada.
O componente tem o direito de alcançar, dentro das suas condições e da cha-
-mada de Deus, os cargos que compõem os trabalhos da l, ficando consciente de que quem coloca e quem tira é o Senhor e o homem é apenas um instrumento.
O componente também tem o direito de solicitar da CEADALPE ajuda em oração por
um problema difícil, ajuda material quando a CEADALPE puder,dentro das suas possibilidades suprilas.
O componente tem o direito de participar das festividades da CEADALPE, sem sentir-se “por fora” mesmo sendo um componente novo, trazendo consigo um parente ou amigo

OS DEVERES
As obrigações aqui expostas, são para aqueles que realmente desejam fazer
parte da Ceadal, pois como qualquer órgão ou entidade, precisa de regras de conduta para seu bom andamento, o nosso órgão tem essa necessidade, e as mesmas são feitas baseadas na liberdade alcançada através de Cristo Jesus e da sua palavra.
É dever de todo componente obedecer à direção da CEADALPE, assim como a toda autoridade eclesiástica constituída,mesmo que alguma posição tomada pela mesma venha a divergir da sua opinião. As divergências devem ser expostas de acordo com o que já foi dito no parágrafo referente aos seus direitos de expressão e não em forma de dissensão, para que não haja contaminação de outros componentes e a formação de grupos contra a direção, levando o trabalho ao sofrimento.

O componente deverá participar de todos os trabalhos da CEADALPE,dentro das suas condições, pois se o mesmo não pode estar nos trabalhos (sem uma justificativa aceitável, não poderá ser componente da mesma.
As convocações feitas pela Direção deverão ser obedecidas. São elas:
Reunião Local, Reunião Geral convocada pela Superintendência, Concentrações, Vigílias, Estudos, Culto de Ações e Graças, visitas à outras CEADALPE, e todas quantas se achar necessárias por parte da Direção.

As ofertas do domingo vai para o caixa e tem como objetivo a manutenção dos equipamentos e patrimônio da CEADALPE que são usados na evangelização,tendo o componente a obrigação financeira com a Obra para que foi chamado, pois se Deus lhe chamou, Ele se responsabiliza, lhe dá condições e te abençoa na terra. As contribuições extras ficam de acordo com o que o Senhor lhes propôs no coração, pois são ofertas voluntárias.
O componente que sentir de Deus deverá trazer seus dízimos e ofertas para serem colocados no dia da oração e do culto mensal da CEADALPE, pois o mesmo é enviado para a obra de missões e temos 3% , das ofertas para ajuda de manutenção. Quanto mais você conhecer a necessidade da CEADALPE mais você irá colaborar.
O componente deve colaborar, sempre que possível e dentro daquilo que Deus propor no seu coração, com a cesta básica para os necessitados. Devemos nos compadecer daqueles que estão atravessando por momento difícil e se nós podemos devemos ajuda-los.
A chegada do componente dentro do horário além do dever, melhorará o andamento do trabalho, pois permitirá aos dirigentes não somente inicia-los e concluí-los dentro do estabelecido pelo Ministério, como também, dar mais oportunidade aos componentes para louvarem e se expressarem na palavra desenvolvendo o talento que Deus lhe deu.
Ao chegar o componente deverá orar até que o Dirigente inicie a parte de louvor no culto.Os componentes não devem ficar conversando no período da oração causando barulho desnecessário junto aqueles que precisam orar, com exceção daqueles que por motivo de saúde não podem ficar ajoelhados, porém devem estar sentados e orando.
A ausência do componente deverá ser comunicada com a justificativa à Direção da CEADALPE, de preferência as secretárias, pois a falta de comunicação da mesma ocasionará no número excessivo de faltas sem justificativa e conseqüentemente o desligamento do componente, de acordo com a determinação da Superintendência Geral. O componente não deve se achar acima das regras colocadas pela Ceadal, e assim não se achar na obrigação de justificar sua ausência.

OS TRABALHOS
Existem dentro da CEADALPE alguns trabalhos comuns a outras CEADALPE, e existem os que são criados de acordo com o Dirigente, que são os fixos e os temporários.

Fixos –Oração da CEADALPE, Culto Mensal, Cultos Relâmpagos, Pontos de Pregação e Evangelização aos Domingos.

Temporários- São as convocações feitas principalmente em festividades como por exemplo:Vigílias, Concentrações, Estudos, Consagrações, etc...;trabalhos que podem se tornar fixos de acordo com o Dirigente da CEADALPE e em acordo com o responsáveis pela Congregação.

OS HORÁRIOS
Os horários dos trabalhos obedecem a uma ordem vinda do nosso Ministério em Abreu e Lima, baseados na liberdade de cultos dentro de horários estabelecidos na Constituição Brasileira para que possamos usufruir desta liberdade para pregação do evangelho e
exercermos direitos religiosos sem escândalos e sem transtornos.
Os horários de trabalhos são:

Oração da CEADALPE – 19. às 21; h. Sendo O Período Da Oração Das 07.As 08.hs
Culto Mensal da CEADALPE – 19: às 21: h.
Cultos Relâmpagos – 18: às 19: h.
Pontos de Pregação – 19: às 21: h.
Evangelização – 14: às 16: h.
Consagrações, vigílias e eventos temporários, devem obedecer a critérios estabelecidos e aprovados de acordo com o Ministério e o Dirigente da Congregação Local,levando-se em conta a localização da Congregação no bairro e alguns fatores implicantes para realização ou não de determinados Eventos.

COMPORTAMENTO
O comportamento do componente nos trabalhos reflete não somente o ensinamento que ele está recebendo, mais também a sua referencia diante o mau comportamento de alguns irmãos, como por exemplo conversas desnecessárias e até inconvenientes como cristãos.Alguns exemplos de mau comportamento em vários trabalhos:
Cultos Relâmpagos– Pelo caráter do trabalho e pela exposição em que se encontram os componentes, é necessário que haja uma vigilância redobrada, já que podemos ser agredidos verbal e fisicamente, devendo assim, ser evitadas as conversas, o ato de assentar-se ( uma vez que o Culto tem a duração de 1hora ), os pedidos de oração, o excesso de línguas estranhas e toda manifestação ou comportamento que não traga edificação para aqueles que ouvem ou que venham a escandalizar o Nome de Jesus .
Pontos de Pregação – Esses trabalhos tem sofrido com alguns componentes e visitantes que querem,às vezes, expressar um talento que não possuem, seja ele para a doutrinação do
Povo de Deus ( responsabilidade do Ministério, como os dons proféticos, expressando a sua vontade e não a de Deus, causando desgosto e decepções principalmente nos novos convertidos.
Oração da CEADALPE – A conversa desnecessária continua sendo o ponto principal de atuação do inimigo para que não nos liguemos no Trono da Graça de Deus, por isso ela, juntamente com a movimentação excessiva por parte dos componentes dentro dos trabalhos devem ser evitadas.Outro ponto negativo que está afetando a Ministração da Palavra, são as crianças sem controle por parte dos pais, que acham que pelo fato das crianças serem inocentes não estão ensinando-as a se comportar dentro do Templo e nos trabalhos fora dele.
Cultos Mensais – Vale a mesma palavra acima citada com a agravante de que esse é um culto de portas abertas e há pessoas não crentes precisando ouvir a Palavra e que também estão observando como cultuamos ao Senhor.
Evangelização – O trabalho da Evangelização tem sofrido pelo despreparo e pela falta de ensinamento concernente ao mesmo. Muitas vezes parece que o componente está saindo para um passeio. Não medita que pode encontrar manifestação do diabo diante dele e não anda orando em Espírito. Alguns procuram nas casas das pessoas evangelizadas plantas, frutas, sentam-se para beber água, come doces, bolos,etc..;andam falando alto, com brincadeiras e, às vezes, parecem que não tem nenhum compromisso real com a Obra.
Concentração – Os trabalhos externos se tornam um ponto de encontro para jovens, velhos e meninos. Enquanto o Pregador está pela misericórdia pedindo uma mensagem, os pecadores presos pelo diabo clamando por libertação, os componentes estão comendo pipoca, cachorro quente, salsichão, churrasco e “batendo um papo legal”, ao invés de estarem orando para que o Senhor opere maravilhas no trabalho.
Vigílias– Essas por estarem ligadas a um esforço físico, uma vez que o componente tem que se privar do sono, sofre com aqueles que apenas querem ficar acordados sem orar. Ficam do lado de fora do Templo conversando, alegando que, se ficarem sentados ficam com sono, expondo-se assim ao perigo e aos comentários por parte de pessoas não crentes. Alguns se levantam dezenas de vezes, conversam, se movimentando em excesso atrapalhando o Dirigente. Estão ali em sacrifício por seu ego e não pelo Senhor, para dizerem que passaram uma noite acordados (e não em vigília), dizendo depois que o trabalho não foi bom. Etc.etc.etc.
O comportamento do componente não se limita apenas aos trabalhos da CEADALPE mas estende-se a todos os trabalhos na Congregação e às nossas vidas com os nossos vizinhos, parentes e companheiros de trabalho e escola.

A EXCLUSÃO – Serão excluídos os componentes que:
- Solicitarem a sua saída por motivo justificado.
- Se mudarem para outra Congregação ou Campo.
- Tiverem faltas em excesso e sem justificativa.
- E todo aquele que não estiver nos trabalhos da CEADALPE ou não puder participar dos mesmos de forma continuada.

O componente deve saber que a chamada de Deus inclui o amor que Ele coloca em nossos corações pela Obra e que o bom andamento do trabalho depende do enquadramento do componente nas normas da CEADALPE. Não se pode alegar que se tem uma chamada e desobede- -cer ou estar à parte das decisões ou das normas do Órgão. Toda Autoridade é constituída por Deus. Se você tem chamada, os componentes da Direção também tem. Se você deve obediência à Direção, a Direção deve obediência à Superintendência e ao Ministério, principalmente ao Dirigente da Congregação. O Dirigente não é melhor do que o componente, ambos são importantes dentro da sua função, dentro da sua chamada. A ovelha não pode está sem um Pastor e um Pastor não é Pastor se não houver ovelhas, então devemos estar unidos em Cristo para que
a Obra de Deus prospere em nossas mãos. Que cada um daquele que sente a chamada de Deus possa refletir que fomos chamados para sofrer por amor à Obra e que, sofrimento não é coisa agradável a ninguém, mas a nossa recompensa vem do Senhor..

DEVERES DO DIRIGENTE E DO VICE DIRIGENTE
Um dirigente e o vice devem ser: Obediente, Amoroso mais também Rígido,Criativo,Gentil, Incentivador,Organizado, Zeloso, Autêntico,Cuidadoso, e ter prazer em tudo que faz.
O vice dirigente não pode passar na frente do seu dirigente mais deve ajuda-lo nas tarefas necessárias, pois tem muito vice querendo ser o dirigente, prejudicando assim o trabalho do Senhor, mais fique no lugar que foi chamado trabalhando unido e alegre na Obra.
1-O Dirigente e o Vice tem o dever de respeitar e considerar, o Obreiro da Congregação, pois ele está representando o Pastor Presidente
2-Deve cumprir e por em prática todas as normas descritas pela Superintendência, pois são essas normas que o ajudarão a desempenhar bem o seu trabalho.
3-Tem o dever de saber usar todos os documentos usados pela Superintendência para poder ensinar e orientar a sua diretoria como usa-los.
4-Precisa trabalhar unido com o seu vice e com a sua diretoria,e saber dividir as tarefas para que ninguém fique desocupado.
5-Não deve formar grupos mistos na CEADALPE, nem na evangelização, e do mesmo modo será para os grupos de hospital, pois foi assim que acertamos em Reunião e assim continuará.
6-Não pode criar diretoria para Culto Relâmpago ou Grupo de Louvor, pois os mesmos estão ligados à CEADALPE e a diretoria é uma só. Como também não poderá programar aniversário destes órgãos separado da CEADALPE,pois quando a CEADALPE aniversaria todos os órgãos ligados a ela também estão em festa.
7-Deve orientar o povo sobre a hora de sair ao campo, pois tem CEADALPE saindo para evangelizar às 15:00 hs, quando o horário é de 14:00hs, e isto atrapalha o fechamento do Relatório, precisa ensinar ao povo ter responsabilidade com a Obra de Deus.
8-Nos culto de oração é dever do dirigente treinar seus componentes, pois é da CEADALPE que sairá os próximos Obreiros e dirigentes de outros Órgãos, relacionados a Obra do Mestre.
9-Deve orientar a sua diretoria, a não distribuir lembrancinhas durante o Culto pois aquele movimento tira a essência da pregação, isto vale para qualquer tipo de festividade, as mesmas devem ser entregue quando o povo está adentrando no Templo ou no final do mesmo.
10-Deve instruir os irmãos para que quando forem representar a CEADALPE em outra Congregação vá pelo menos de camisa e gravata, se não for de paletó, mais nunca sem a gravata. E
também orienta-los que quando lhe for dado a oportunidade não tomem muito tempo, pois devemos ter consciência que saudação não é pregação, e muitas vezes prega e canta, isto é falta de sabedoria. Este item serve também como alerta para vários Dirigentes.
11-A lista de Culto dos Pontos de Pregação, como também dos Relâmpagos devem ser feitas pelo Dirigente juntamente com o vice, mais nunca por pessoas que não fazem parte da CEADALPE.
12-É dever do Dirigente procurar saber das secretárias se as prestações de conta e os mapas estão sendo entregue na data certa, além de procurar ver se o mapa está preenchido certo e assinar o mesmo, antes de traze-lo para ser entregue na secretaria.
13-É dever do dirigente trazer a sua CEADALPE para todas as Reuniões marcadas pela Superintendência, sem esquecer das Reuniões de Caixa de Missões. Pois todas as Reuniões são de grande importância, se não fossem não precisariam serem marcadas.
14-O dirigente deve está sempre de olho na freqüência dos seus componentes, para que a sua CEADALPE não seja prejudicada pelos componentes faltosos, e com isso levar a sua CEADALPE para o Vermelho.
Que vocês Dirigente e Vice tenham sempre, como algumas águias, a força e a coragem de partir para um processo de transformação e renovação em busca do que é melhor para a sua
CEADALPE.

DEVERES DAS SECRETÁRIAS
1-Existe um dever que é primordial para a Secretária, nunca passar por cima do seu Dirigente, dando ordens ou executando tarefas sem que antes tenha conversado com o seu Dirigente.
Lembre-se você é Secretária e não o Dirigente, este item serve para as três Secretárias.Pois a União é muito importante para o crescimento da Igreja.

2-É dever da 1º Secretária junto a 2ª Secretária(o) e a Tesoureira(o), coordenar e manter em dia e organizados, todos os documentos do Fichário.

3-Deve usar a Ficha de Cadastro para cada pessoa que entrar na CEADALPE, colocando o número de ordem e o número do grupo na ficha de cada componente e Diretoria.

4-Levar para Secretaria Geral foto e os dados de cada componente para ser confeccionado o crachá do mesmo. Se for componente só o nome, data de nascimento e o número de ordem, se for Auxiliar ou da Direção trazer a ficha completa que você pega na Secretaria.

5-Usar a Tabela de Freqüência na oração e no campo, para marcar a participação de todos no trabalho, pois não é permitido o uso de caderneta.

6-É dever da Secretária usar Ficha de Campo e não cadernetas, e entregar aos dirigentes de grupo, já com as ruas descritas, para facilitar o trabalho.

7-É dever da Secretária recepcionar os seus visitantes, mais existem aquelas Secretárias que não recepcionam, ficam sentadas, deixando os mesmos esquecidos, se o Dirigente não estiver atento os visitantes sairão sem ser apresentados.Isto é falta de amor de zelo e de ética por parte das Secretárias. Agindo assim achamos que não querem receber visitas.
8-E obrigação da Diretoria usar o seu Crachá na Oração no Culto Mensal e quando for visitar outra CEADALPE, mais tem Secretária que não gosta de usa-lo,mais quero lembrar que no trabalho do Senhor você deve cumprir melhor as regras do que no trabalho material pois a recompensa
é um grande galardão.
9-Queremos falar a respeito do Mapa de Trabalho, é dever da Secretária se preocupar com o prazo de entrega do Mapa, como também com a prestação de contas, pois o prazo é ate o dia
dois de cada mês, mais tem Secretária que está despreocupada entregando o Mapa até com dois meses de atraso, e isto é inaceitável. Parece que está fazendo o trabalho obrigada, e não
por amor e de boa vontade.
10-Não é permitido entregar as lembranças, durante o Culto, pois este ato tira a essência do Culto, já foi dito várias vezes, mais tem aqueles que continuam desobedecendo,e não permitiremos que isto continue acontecendo.

A Tesoureira (o)
tem o dever de tomar conta das ofertas e do caixa da mesma procurando
Prestar contas dos em dia (ou seja toda semana), evitando assim que a sua CEADALPE perca os
Três por cento (5%), ela também deve ter responsabilidade no que faz.
OBS:Os deveres da Diretoria acima descritos são obrigação das três Secretárias cumpri-los.
Sem que uma queira ser melhor que a outra, ou mesmo querendo tomar o lugar da outra, mais
trabalhando unidas com o mesmo objetivo, ver a obra do Senhor crescer. Sintam-se alegres pela oportunidade de trabalhar juntos.

MEDITAÇÃO
“Sofre, pois, comigo, as aflições, como um bom soldado de Jesus Cristo. Ninguém que milita se embaraça com negócio desta vida, afim de agradar àquele que o alistou para guerra. E, se alguém também milita, não será coroado se não militar legitimamente.” ( I TIM.2:3-5 )

“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na Obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.” ( I COR.15:58 ).

ABREU E LIMA, 29 de agosto de 2000.



Pr: José Gonçalves Da Silva
Superintendente

3 comentários:

patricia disse...

a paz do senhor pr jose gonçalves verdadeiramente o senhor é uma benção nas mãos do senhor jesus,parabéns pelo trabalho de evangelização fique com Deus.

rejane disse...

Por Favor se der pra colocar o Emblema da Ceadalpe nós agradecemos! Fique na paz do Senhor!

Pr.Gonçalves disse...

O "embleama" símbolo da CEADALPE, já se encontra na parte direita da página principal do blog.

Obrigado pela visita.

Paz do Senhor!